“Tive muitos namoros com gay” revela Suzana Vieira

Aos 79 anos, ela dividiu seu segredo para manter a energia sempre em alta.

Quando o assunto é com Susana Vieira, já podemos esperar uma conversa franca e sem nenhum tipo de tabu. Durante participação no Encontro na manhã desta quinta-feira (14), ela soltou o verbo sobre a vida pessoal, retorno aos palcos e como vem enfrentando a pandemia do coronavírus.

Aos 79 anos, ela dividiu seu segredo para manter a energia sempre em alta.

“Eu tive a benção de ter uma genética boa e não abusar de nada que fosse químico. Deixei a velhice chegar. Eu tenho o maior orgulho de dizer para vocês que o que eu fiz foi ginástica, comer bem, como de tudo, nunca fiz dieta nenhuma. Adora feijão com arroz, dobradinha, rabada”, conta. E mais: tem horror de gente que só reclama. “Não sou uma pessoa negativa”.

Questionada sobre a vida amorosa, Susana disse que casou tanto que cansou. “Não pretendo. Não sei se é por causa da idade que eu não casei mais. As pessoas de mais idade ficam em uma carência. Quando começou a pandemia eu não estava cansada e isso foi bom. Porque passar uma pandemia mal casada ia ser horrível”, afirma.

“Nessa pandemia eu tive alguns casinhos virtuais, mas fica tão chato. Sou a rainha dos gays. Tenho muito amigo gay. Tive muitos namoros (com) gays. Mas eu via que quando a pessoa não se manifestava, é porque me amava mas era gay. Quando acabar isso, não vai ter beijo. Tive 300 crushes gays na pandemia”. 

“O público é muito amoroso comigo, mas o tamanho da bunda cresceu? Cresceu! Estou impressionada. Minha voz é a mesma e meu cabelo também ficou bom”, brincou a atroiz que ganhou oito quilos neste período.

*Com informações tnh1

0 0 votes
Article Rating