Rave clandestina é fechada no Tarumã, em Manaus, e drogas sintéticas são apreendidas

Evento foi localizado pela polícia após denúncia anônima. Dois homens foram presos por tráfico de drogas.

Foto Divulgação

Uma festa rave clandestina que ocorria em um flutuante na orla do Tarumã, em Manaus, foi fechada neste domingo (13). Policiais militares apreenderam drogas sintéticas e dois homens foram presos por tráfico de drogas, incluindo o suposto proprietário do flutuante.

A ação do Comando de Policiamento Ambiental da Polícia Militar do Amazonas foi realizada após denúncia anônima ao telefone do Batalhão Ambiental, no número (92) 98842-1553. As equipes chegaram ao local, localizado nas proximidades da Praia Dourada, por volta das 16h.

Segundo as informações recebidas pela PM, o evento clandestino estava acontecendo desde sexta-feira. O local estava lotado e, assim que a Lancha de Patrulhamento Fluvial Dessana se aproximou, algumas pessoas tentaram escapar de voadeira, mas foram pegos.

Durante as buscas na voadeira, foram encontradas porções de entorpecentes com o piloto da embarcação. Na abordagem ao flutuante, os policiais localizaram porções de drogas dentro do quarto do proprietário do espaço. O flutuante foi fechado, e houve a dispersão dos populares que estavam no lugar.

Ao todo, as equipes apreenderam 50 comprimidos de ecstasy, 27 papeis de LSD, além de sete porções de cocaína e maconha e a quantia de R$ 880 em espécie.

O suposto proprietário do flutuante, de 52 anos, e um jovem de 19 anos foram presos em flagrante por tráfico de drogas. O caso foi registrado no 1º Distrito Integrado de Polícia (DIP).

Fonte: G1Amazonas

0 0 vote
Article Rating