Motorista de aplicativo é encontrada carbonizada após desaparecer durante corrida

A vítima foi reconhecida na quinta-feira (16), pela mãe por meio de objetos pessoais

Uma motorista de aplicativos foi encontrada carbonizada dentro do próprio carro após atender uma corrida na cidade São Roque, no interior de São Paulo.  A vítima foi reconhecida na quinta-feira (16), pela mãe por meio de objetos pessoais.

Segundo a mulher, no último contato, Amanda Pereira Augustinho, 29, teria avisado que estava levado uma passageiro para a capital, ainda na quarta-feira (15).  Depois disso, desaparece.

De acordo com informações do G1 a 99 nega que Amanda estaria em corrida pela empresa quando desapareceu, pois na plataforma não constava nenhuma viagem em andamento. Mesmo assim, a família solicitou o percurso por GPS, da últimas viagens da jovem.

No carro queimado, além de um relógio e o celular dela, foram encontradas também cápsulas de munição e uma caixa de fósforos. Amanda estava no banco de trás e umas das portas do veículo estavam abertas.