Grávida morta no Centro de Manaus estava jurada de morte por traficantes

O print do que seria o status de um traficante em uma rede social foi amplamente divulgado na internet nesta quinta-feira (17)

Manaus|AM – O crime brutal que chocou a população de Manaus na noite de quarta-feira (16) foi premeditado, segundo a polícia. Márcia Mayane Marques, 35, estaria jurada de morte por traficantes de uma facção criminosa que atua na zona sul de Manaus.

Conforme uma fonte informou ao Canal Livre, a mulher teria envolvimento com o tráfico de drogas e por isso teria sido morta. Márcia estava grávida de seis meses, mas isso não impediu que os traficantes a poupassem.

A ordem de matá-la teria sido determinada por uma das lideranças de uma facção criminosa rival a qual a vítima seria informante. É o que afirma também o print do status de um dos traficantes, divulgado durante a madrugada na internet.

A Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) segue investigando o caso.

4.5 2 votes
Article Rating