Cantor Klinger Araújo morre vítima da covid-19

O coração de um dos mais populares artistas de boi bumbá parou nesta terça, dia 29 de setembro de 2020, por volta de 12h

Klinger Araújo, “Furacão do Boi”, morre após complicações causadas pela Covid-19

O artista parintinense, Klinger Araújo, o “Furacão do Boi”, morreu aos 51 anos, após complicações causadas pela Covid-19. Klinger estava internado na Samel com 75% dos pulmões comprometidos.

O cantor começou a sentir os sintomas no dia 02 de setembro, no dia 04 realizou o exame sorológico e negativou, porém os os sintomas só aumentavam.

No dia 09 foi internado na Samel, onde fez o exame PCR que detectou que Klinger estava com Covid-19. No último sábado (12), Klinger recebeu alta hospitalar, porém ao se sentir retornou a Samel.

Familiares agradeceram todas as correntes de orações formadas durante a luta de Klinger contra o Coronavírus.

Família


Klinger Araújo sonhava ter uma família de aristas.
Tanto que colocou nos palcos, ainda com cinco anos de idade, o filho Klinger Júnior, que, já adulto, distanciou da música, dedicando-se a outras atividades.
Mas ele insistiu e no fim do ano passado inscreveu o filho para participar da seleção de artistas do Boi Manaus 2019.
Klinger Júnior não apenas venceu a disputa, mas também acabou criando um problema para o pai.
É que uma de suas adversárias foi sua madrasta, a cantora Vanessa Alfaia (29 anos).
A outra aposta de Klinger é sua filha Iandiara, de 8 anos de idade, que ele, sempre que podia, colocava-a em seus shows.

Flauta


Outra paixão de Klinger era sua inseparável flauta. Para onde ia, ele levava o instrumento.
Entre as grandes apresentações que fez com a flauta, está a abertura do Teatro da Vida, espéculo que o também já falecido cantor Arlindo Júnior fez no Teatro Amazonas, em abril de 2017.

Idealizador e fundador do #Toadas
No fim de 2016, com o arrefecimento do movimento bovino em Manaus e falta de renda dos artistas em Manaus, Klinger começa a discutir com outros artistas a criação de um movimento para recolocar a toada no mercado. Surge a ideia de comprar horário de rádio e TV, mas, sem recursos, a ideia evolui para a utilização da Internet como meio de propagação do ritmo dos bumbás.

Nasce, então, o #Toadas, inaugurado por ele, juntamente com Neil Armstrong, Juliano Santana Petro Velho e Neuton Corrêa, no dia 31 de dezembro de 2016. Klinger ainda participa de mais duas edições do programa e resolve criar o seu próprio espaço nas redes sociais.

As duas experiências puxam um enorme movimento e o movimento bovino volta a se reaquecer em Manaus.

Nota Samel

É com profundo pesar que o Grupo Samel vem a público informar que o cantor amazonense Klinger Araújo, um dos grandes ícones do Festival Folclórico de Parintins, não resistiu às complicações ocasionadas pelo novo coronavírus, vindo a óbito na manhã desta terça-feira, 29 de setembro de 2020, no Hospital Samel Boulevard, localizado na Av. Álvaro Maia, bairro Adrianópolis.

O Furacão do Boi, como era popularmente conhecido, estava internado desde o dia 13 de setembro na unidade da rede Samel, e era um grande amigo pessoal da Família Samel, tendo grande respeito e admiração da Família Nicolau e dos colaboradores da instituição.

O Grupo Samel presta suas condolências aos familiares do nosso grande amigo, Klinger Araújo, e informa que informações mais detalhadas serão disponibilizadas exclusivamente à família.

Grupo Samel

0 0 vote
Article Rating